Massagem é solução para empresas

Enfrentar o dia a dia do trabalho não é nada fácil. Ter uma rotina, por mais que você goste de trabalhar e tenha prazer com a atividade, é algo cansativo e que, uma hora, merece uma pausa. Por isso mesmo, aproveitar o tempo de férias e folgas é sempre uma questão indiscutível.

Algumas empresas buscam formas de fazer com que os seus empregados tenham um ambiente mais relaxado para, consequentemente, renderam mais em produtividade. Uma forma encontrada por empresários é oferecer serviços de massagens para os seus funcionários.
Uma sessão de massagem no ambiente de trabalho pode trazer muitos benefícios para a empresa. Por exemplo, o trabalhador pode aliviar suas tensões do corpo por ficar muito tempo sentado na cadeira em frente ao computador. Uma massagem de 15 minutos pode ser um benefício que perdurará por um bom tempo para a empresa.

Comprovado por estudos

Estudos já comprovaram que a massagem em ambientes corporativos possui um efeito positivo e que melhora a performance dos funcionários da empresa. Isso acontece por vários aspectos, como, um ambiente mais harmonioso já que isso demonstra um cuidado e atenção maiores com as pessoas. Também é importante para deixar o funcionário mais relaxado e concentrado, o que fará com que sua produtividade aumente. E, por fim, melhora o desempenho geral da equipe, já que esta estará mais saudável para continuar seus afazeres.

Alguns estudos mostram que uma sessão de massagem de aproximadamente 15 minutos se mostra mais eficaz até mesmo do que o intervalo para o café. Sem dúvida, em termos financeiros, a contratação de um serviço como este é mais caro que uma máquina de café, no entanto, os resultados podem ser muito melhores.

Massagem rápida

Existem muitos tipos de massagens que podem ser realizados em ambientes corporativos, no entanto, um deles se destaca entre muitos: a quick massagem, ou seja, massagem rápida. Ela feita com a pessoa sentada em uma cadeira ergonomicamente projetada para este fim e proporciona um relaxamento em pouco tempo, aliviando tensões e liberando energia do corpo.

A massagem rápida é indicada para combater dores no corpo, dor de cabeça, estresse e cansaço físico e mental.

Memorial dos Povos Indígenas

Um dos diversos projetos de por Oscar Niemeyer é o Memorial dos Povos Indígenas. Construído em 1987, o espaço é um centro cultural que tem a responsabilidade de divulgar e estimula o conhecimento do povo brasileiro sobre a diversidade da cultura indígena do nosso país. Lá acontecem eventos e eventos baseados nas tradições culturais de tribos indígenas variadas. O museu conta também com um rico acervo com imagens, instrumentos musicais, ferramentas e mascaras utilizadas pelos índios. O Memorial dos Povos Indígenas está localizado na praça do Buriti próximo a outros pontos turísticos de Brasília, como o Memorial JK.

O Memorial busca sempre promover uma interação com os povos indígenas, promovendo exposições especiais, principalmente em datas comemorativas, como o dia do índio e também já organizou exposições com jovens indígenas como guias do local.

O Memorial pode ser visitado de terça à sexta das 09h às 17h e aos finais de semana e feriados das 10h às 17h.

memorial

A História de Brasília

Muitos brasileiros atribuem Juscelino Kubitschek como o personagem principal para a construção de Brasília que de fato foi o grande responsável pela construção da capital do país. Mas a ideia de construir uma cidade no coração do Brasil para ser sua capital já era discutida na época em que o país era uma colônia portuguesa. Em meados de 1823, José Bonifácio de Andrada e Silva voltou a abordar essa ideia e levantou pela primeira vez a sugestão de batizar a capital do pais de Brasília. Além do contexto simbólico, a ideia seria afastar riquezas e monumentos importantes do país das regiões próximas ao litoral ou fronteiras, onde teoricamente, estaria mais propensa à ataques de outros países.

historia.jpg

Em 1891 a região onde Brasília seria construída foi definida e a pedra fundamental do projeto foi lançada em 1922. Durante o mandato do presidente Juscelino Kubitschek, em 1956, o projeto finalmente começou a caminhar.

Foram analisados projetos para a construção da cidade e o selecionado foi do arquiteto e urbanista Lúcio Costa. Em seguida, JK selecionou o arquiteto Oscar Niemeyer como responsável pelos projetos dos monumentos da cidade.

No dia 21 de abril de 1960, nasceu a capital do Brasil, com a população composta basicamente pelos operários que trabalharam nas obras da cidade, que viviam em acampamentos, Brasília começou a se desenvolver até se tornar a cidade que conhecemos na atualidade.

Fonte: Governo de Brasília

Estádio Nacional de Brasília “Mané Garrincha”

Conhecido simplesmente como Mané Garrincha, o estádio nacional de Brasília foi inaugurado em março de 1974 em uma partida entre Corinthians e o extinto CEUB, que foi derrotado pelo time paulistano. Na época em que foi construído, o estádio recebeu o nome “Estádio Governador Hélio Prates da Silveira”, governador do distrito federal nesse período. Mas no início da década de oitenta recebeu o nome “Mané Garrincha”, em homenagem ao jogador Manuel Francisco dos Santos, conhecido como Garrincha, falecido em 1983.

O estádio com mais de 40 anos de história passou em 2009 por uma grande reforma para sediar partidas da Copa do Mundo de 2014. Durante o evento o estádio do DF recebeu sete partidas além de sediar a Copa das Confederações no ano anterior.

Além dos dias de jogos de futebol, é possível visitar o estádio aos sábados das 09h às 13h30 mediante agendamento ou em eventos como partidas de outros esportes e shows.

Uma boa opção para as visitas aos sábados é esticar o passeio nos diversos pontos turísticos que ficam ao redor do estádio como o Castelinho do Parque da cidade, o Ginásio Nilson Nelson e o palácio do Buriti, todos há alguns metros do estádio.

garrincha

Fonte: Estádio Mané Garrincha

Passeios em Brasília

Brasília é uma bela cidade e concentra muitos acontecimentos relevantes para todo o pais, principalmente no cenário político. Mas a capital do Brasil também possui muitas belezas e opções de passeio para quem mora na região ou quem visita a cidade. A maioria dos pontos turísticos de Brasília são relacionados à arquitetura em edifícios históricos e políticos, sendo boa parte deles projetos do renomado arquiteto Oscar Niemeyer.

ponte jk

Como a maioria dos passeios são ao ar livre, vale a dica para os turistas em relação ao clima. Brasília é uma cidade com bastante variação no clima, o dia pode amanhecer ensolarado e no início da tarde começar a chover. O período entre maio e setembro o clima costuma ficar um pouco mais seco. Confira a lista com alguns locais para visitar quando estiver na capital do DF:

Catedral Metropolitana de Brasília

Torre de TV e mirante de Brasília

Museu do Catetinho

Congresso Nacional

Planetário de Brasília

Memorial Juscelino Kubitschek

Ponte JK

Praça dos Três Poderes, Mastro da Bandeira, Espaço Lúcio Costa, Museu histórico de Brasília e Panteão da Pátria

Palácio do Itamaraty

Palácio do Planalto

Palácio da Justiça

Supremo Tribunal Federal

Palácio da Alvorada

Palácio do Buriti

Memorial dos Povos Indígenas

Templo da Boa Vontade

Quartel General do Exército

Estádio Nacional de Brasília – Mané Garrincha